Blog Tecnoarte

6 dicas para escolher o mobiliário do seu consultório

Decorar o seu consultório pode exigir um alto investimento, mas trará resultados positivos por um longo tempo

Quem procura por atendimento médico espera encontrar acolhimento. Por isso, investir tempo e recurso para tornar seu consultório um ambiente receptivo e seguro é fundamental para garantir não só o retorno, mas também a fidelização dos seus pacientes.

Cuidar detalhadamente da decoração e do mobiliário são primeiros passos importantes nessa empreitada. Além de conforto e bem-estar, confira outras dicas para dar um upgrade de beleza e sofisticação ao seu consultório!

Organização do espaço

Tanto na sala de espera, como na sala de atendimento, leve em conta o espaço disponível para circulação. Os móveis devem estar bem arranjados, de forma que as pessoas transitem sem dificuldades. Lembre-se de considerar os pacientes que se locomovem em cadeiras de rodas.

Cores

Sabia que alguns tons transmitem tranquilidade, enquanto outros podem gerar agitação ou ansiedade? Azul e verde são ideais para o ambiente médico. Já cores mais fortes, como azul e vermelho, devem ser utilizadas pontualmente na decoração.

Iluminação

Além da luz natural, investir em abajures e lustres é importante para tornar o ambiente bem iluminado.

Pisos

Tons claros funcionam em ambientes pequenos. Também é indicado que os rodapés sejam feitos do mesmo material que o piso. Para isso, o porcelanato é uma opção prática e moderna.

Fique atento! Tapetes e carpetes não são permitidos em salas de espera por conta do acúmulo de poeira.

Quadros e Diplomas

A exposição de diplomas e títulos confirma que o médico tem formações importantes, mas o número de quadros não pode ser exagerado. Prefira os cursos estrangeiros ou formações especializadas, que transmitem confiança aos pacientes recém-chegados.

Quadros com fotos da família também são bem vindos, mas evite expor demais a sua vida pessoal.

Anvisa

Ainda que seja um espaço privado, a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) estabelece regras que devem ser seguidas por quem deseja abrir um consultório. Exigências como metragem e temperatura, e proibições como a dos tapetes e carpetes podem ser fundamentais na hora de pensar o mobiliário do seu escritório.